2

LARANJA MECÂNICA

Laranja Mecânica (A Clockwork Orange, originalmente), escrito pelo inglês Anthony Burguess, significa algo de muito estanho, e faz jus ao nome. O livro alcançou sucesso o bastante para ser considerado um dos cem melhores romances em língua inglesa do século 20.

A trama é ambientada numa Inglaterra futurista e gira em torno do narrador,Alex, um adolescente como qualquer outro – ou não -, comandante de uma gangue que tem como modo de diversão atividades um tanto peculiares, tais como roubar lojas e algumas práticas extremamente violentas.

Acontece que, involuntariamente o garoto comete um assassinato e é pego pela cruel polícia que vigora na época.

Ele é então submetido a um tratamento experimental, desumano e cruel para eliminar o que causaria as maldade na mente humana, mas que reduziria drasticamente sua pena. O leitor tem acesso total ao psicológico de Alex, antes, durante e depois desse processo, e é levado a refletir sobre o bem e o mal, tal como a acompanhar o amadurecimento do personagem, ao longo da história.

O impressionante é que o livro é totalmente versátil, e possui essa abertura para inúmeros tipos de interpretações.
Outro fato interessante é que o “dialeto” falado por Alex e seus amigos é baseado na linguagem “nadsat” (em nadsat, adolescente). Criada por Burguess, é uma mistura anglo-russa um tanto exótica, que causou tanto estranhamento para os britânicos, já que não há um Glossário Nadsat nas edições britânicas, como há nas brasileiras e americanas.
Eu aconselho colocar a rassudok para funcionar e viver a história da maneira que o autor imaginou. Mas para quem quiser espiar o glossário de vez em quando, tudo bem, no final todos irão adorar essa obra horrorshow.
Resenha elaborada pela leitora adolescente de 14 anos, colaboradora e co-proprietária do Instagram @livros_e_leitura .

Gif livro

Trechos que grifei:

 “Mas eu faço o que faço porque gosto de fazer.”(pág. 42)

“Nomes de partidos nada significam. A tradução da liberdade significa tudo.” (Pág. 161)

boy-reading-book

Avaliação

  • Público Sugerido: Quem gosta de ficção científica.
  • Pontos Positivos: Linguagem diferente e versatilidade.
  • Pontos Negativos: Final diferente da versão americana.
  • Nota (1 a 5): 5,0
Anúncios